Marilyn Monroe

Marilyn Monroe

Autor

Marilyn Monroe, pseudônimo da norte-americana Norma Jeane Mortenson, nasceu em Los Angeles, em 1926. Terceira filha de Gladys Pearl Baker e de pai desconhecido, foi inicialmente criada em orfanatos e depois em casas de diversas famílias. Descoberta pelo fotógrafo Davis Conover, assina seu primeiro contrato com a 20th Century Fox e adota o nome artístico que a imortalizou. Participou de alguns filmes, mas foi sua atuação em "Torrentes de paixão" (1953) que a tornou estrela, lhe rendendo os papéis principais em "Os homens preferem as louras" e "Como agarrar um milionário". Em 1954, ela se casa com o jogador de beisebol Joe DiMaggio, de quem se divorciaria no mesmo ano. Dois anos mais tarde, abre sua própria produtora, a Marilyn Monroe Productions, que produziu os filmes "Nunca fui santa" (1956), de Joshua Logan, e "O príncipe encantado" (1957), dirigido e coestrelado por Laurence Olivier. Em 1959 Marilyn estrela "Quanto mais quente melhor", de Billy Wilder, pelo qual vence o Globo de Ouro de Melhor Atriz em Comédia. Seu terceiro marido, o dramaturgo Arthur Miller, escreveu o papel de Roslyn Taber de "Os desajustados" especialmente para Marilyn. Dirigido por John Huston e coestrelado por Clark Gable e Montgomery Clift, este acabou sendo o último filme completo de Marilyn e a despedida das telas de Gable. O terceiro casamento de Marilyn terminou no México, em janeiro de 1961, dia da posse do presidente John F. Kennedy, com quem ela mantinha um caso desde quando estava casada com DiMaggio. Na premiação do Globo de Ouro de 1962, Marilyn Monroe foi nomeada “a personalidade feminina favorita de todo cinema mundial”. Em 1962, aos 36 anos, faleceu durante o sono em sua casa em Brentwood, na Califórnia, em decorrência de uma overdose de barbitúricos.

OBRAS DO AUTOR

newsletter

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E fique por dentro de novidades e ofertas