pré-venda Disponível 05.10.2022

Paulo Leminski - o bandido que sabia latim

Edição atualizada - ACOMPANHA BRINDE

Autor(es): Toninho Vaz
Editora: Tordesilhas
Por: 99
em até 3x de R$ 33.00 sem juros
Para compra do e-book redicionaremos
você para o site do parceiro.
e-book
VER PARCELAS

Parcelamento:

  • 1x de R$ 99.00 sem juros
  • 2x de R$ 49.50 sem juros
  • 3x de R$ 33.00 sem juros
CALCULAR FRETE Não sabe seu CEP? Então clique aqui.
loader
Nome Prazo de entrega Valor

Ficha técnica

Dimensões:
23,0cm x 16,0cm x 2,0cm
Páginas:
392
Acabamento:
Brochura com orelha
ISBN:
9786555680454
Código:
0000004558
Autor(es):
Toninho Vaz
Código de barras:
9786555680454
Data de Edição:
19/09/2022
Data de Lançamento:
19/09/2022
Peso:
420
Ver ficha completa
SOBRE A OBRA

 

Acompanha um pôster, imagens meramente ilustrativas. Promoção válida enquanto durarem os estoques.

 

Personagem inesquecível da contracultura da década de 1980, Paulo Leminski ganhou espaço na cena intelectual brasileira com seu jeito marginal e sua alma de judoca. Músico e tradutor, poeta e professor, mestre e lutador, foi acolhido por grandes personalidades da época, como Caetano Veloso, Waly Salomão, Augusto e Haroldo de Campos, Décio Pignatari, entre tantas outras.

Durante seus 44 anos de vida, Leminski nunca temeu o absurdo e levou sua arte às últimas consequências. Nas palavras dele, “qualquer hesitação, seja diante de um golpe ou de um poema, pode ser fatal. Pensar pode ser fatal”.

Unindo a experiência de jornalista aos anos de amizade com Leminski, nesse livro Toninho Vaz se propõe a investigar o mistério que foi o poeta do Pilarzinho, cachorro louco polaco-paranaense que revolucionou Curitiba – e o Brasil – com seu jeito ousado, “meio hippie, meio bandido”, de escrever e fazer poesia. A edição traz um caderno de fotos de Leminski, seus amigos e familiares e um capítulo dedicado a revelação do filho desconhecido, Lucky, agora Paulo Leminski Neto.

"Após um ano de pesquisas e 81 entrevistas realizadas com parentes, parceiros, alunos, ex-mulheres, professores, amigos e até desafetos, foi possível reunir histórias, escritos, poemas, fotos inéditas, rascunhos de textos inacabados e muitas pegadas espalhadas pelas três cidades onde o poeta viveu: Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo. O resultado está aqui na medida das minhas pretensões: o retrato de um poeta brasileiro sem disfarces, o ex-estranho Paulo Leminski." Toninho Vaz

Paulo Leminski - o bandido que sabia latim

Adicionado ao carrinho!

Ir para o carrinho ou Continue comprando
newsletter

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER

E fique por dentro de novidades e ofertas